terça-feira, 29 de setembro de 2009

Prof. Ricardo Mallet na Prova Oral da Antena 3


Prof. Ricardo Mallet

Foto de grupo do curso de Ritmo de Shiva do passado sábado,
organizado por todas as escolas do Porto!


Entrevista no programa de rádio Prova Oral da Antena 3,
donwload mp3

sábado, 26 de setembro de 2009

Coreografia I Gotta Feeling - Black Eyed Peas



Ver assim centenas de pessoas assim é fantástico!
A força da egrégora....

Em uma acção promocional espetacular o grupo Black Eyed Peas surpreendeu a apresentadora Oprah Winfrey.

Tudo estava combinado para realização de um show da banda em Chicago, para executar o Hit I gotta feeling, na abertura da nova temporada do programa da apresentadora.

A surpresa ficou por conta da actitude da platéia, que realizou a maior acção de flash mob, que se tem notícia. Sem que Oprah soubesse, will.i.am criou com um grupo de dançarinos uma coreografia e chamou 800 fãs para o espetáculo de TV. As 800 pessoas aprenderam os passos e ensinaram para mais de 20.000.



aprenda a coreografia aqui....




e agora coreografias do Método DeRose



quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Pati e Flá no Porto: Fotos

Ontem chegaram os meus amigos Flávio e Pati.
Foram conhecer o Porto comigo, caminharam muito tadinhos
mas o valeu a pena...
à noite tivemos jantar em casa com os amigos...mt bom!
Hoje temos mais...




sexta-feira, 18 de setembro de 2009

Prazer na prática

KATIKA


"O prazer da prática só é superado pelo prazer de dar aulas
e ver esse prazer multiplicado...em sorrisos!!!
"

KATIKA

Um amor de sempre para sempre....

Recebi este comentário do meu eterno companheiro....

Moo,

Olha o que encontrei do Patrick Swayze e do Amor da sua vida (34 anos juntos):

Ele deixou uma carta de amor pra ela. Um excerto:

«Agradeço-te por teres escolhido amar-me. Sei que foi, por causa de ti, que encontrei a minha alma e tornei-me no homem que sempre quis ser. És a minha mulher, amante, amiga e senhora. Sempre te amei, amo-te e vou amar-te para sempre».

Beijinho eterno do coração,
Edu





Obrigada por existires na minha vida....

quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Gatinhos molhados...

Help, help...tirem-me daqui,
elas pensam que eu sou um bébé!!
aiiiiii, que me arrancas a pata....
gostas, gostas de me ver assim..
então tira lá uma foto :D
aperta, aperta...que ainda me saltam os olhos!!
eu sou tão pequenino, porquê eu?
eu quero fugir daqui...
tá doida...quer me atirar para a piscina...daaa

obrigada Sofia pelas fotos, beijinhos

terça-feira, 15 de setembro de 2009

domingo, 13 de setembro de 2009

Moby no Parque da cidade com os amigos

Ontem fomos ver Moby no parque da cidade,
com alguns alunos e os amigos instrutores
foi fantástico...
terminou com o DJ Pedro Casa Nova
que também animou a noite...
queremos mais noites destas...
o Porto a bombar!!!






Evento Equestre - Actividade das Antas










Pois é, este sádado fomos andar a cavalo.
tinha o braço doidoi, por causa da vacina...
mas foi muito bom estar
perto destes lindos animais.
a repetir...

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

A liberdade.....


“No momento em que tivermos dado completa liberdade a todos os que nos rodeiam, quando não mais desejarmos atar e limitar, quando não esperarmos mais nada de ninguém, quando pensarmos apenas em dar e nunca tomar, então nesse momento veremos que estamos livres de todas as coisas deste mundo: nossas cadeias se romperão pela primeira vez na vida e, conheceremos a extraordinária alegria da perfeita liberdade” . – Edward Bach.

Madonna para os meus amigos....

Este post vai inteirinho para o Helder e para a Fátima que passaram o caminho todo a tentar traduzir esta música!!

Um beijinho também para a minha Madonna morena, Carlinha. :D


Madonna- Live to Tell

Viver para Contar

Eu tenho uma história para contar
Às vezes fica tão difícil de escondê-la direito
Eu não estava preparada para a queda
Cega demais para conseguir enxergar
O que estava escrito no muro

VERSO:
Um homem pode contar mil mentiras
Eu aprendi bem minha lição
E espero viver para contar o segredo que guardo
Até então ela estará queimando dentro de mim

Eu sei onde a beleza mora
Eu a vi uma vez, conheço o calor que ela dá
A luz que você nunca conseguiria enxergar
Brilha lá dentro, você não pode tirá-la de mim

A verdade sempre acaba vindo a tona
Você manteve-a bem escondida
Se eu viver para contar o segredo que eu sabia, então
Será que terei essa chance novamente?

Se eu fugisse
Eu não teria força para ir muito longe
Como eles poderiam escutar as batidas do meu coração?
Será que vai esfriar, o segredo que eu escondo?
Será que vou envelhecer?
Como eles poderiam escutar?
Quando é que eles vão aprender?
Como eles vão saber?

A verdade sempre acaba vindo a tona
Você manteve-a bem escondida
Se eu viver para contar o segredo que eu sabia, então
Será que terei essa chance novamente?

quarta-feira, 9 de setembro de 2009

Ashtánga Sádhana


ASHTÁNGA SÁDHANA

Venha! Embarque e usufrua ao máximo de tudo de bom que a principal ferramenta do Método DeRose pode trazer à sua existência.

Encontre o melhor lugar para desenvolver a sua prática. Crie disponibilidade interior para essa vivência e sintonize. Sinta brotar de suas mãos, através do gesto reflexológico que executa, o acolhimento dessa filosofia milenar. Permita-se a receber, por cada poro do seu corpo, qualidade de vida e bem-estar.

Agora, expanda essa vitalidade e vontade, transmitindo-as ao local que o(a) acolhe, ao grupo com o qual partilha essa experiência, ao instrutor que ministra a prática e a todos os mestres e discípulos que permitiram que os ensinamentos dessa cultura ancestral chegassem até você. Sinta-se grato pelas pessoas que você tem junto de si e pela vivência que experimenta. Seja grato e alegre pela Vida, em si.

Exteriorize essa alegria por meio da vocalização de sons e ultra-sons que visam a desobstruir os meridianos por onde circula a energia vital em seu organismo. Interiorize-se com a vocalização do som universal mais poderoso: ÔM.

Agora, sinta o oxigênio fluir por suas narinas. Estabilize sua respiração com um ritmo coordenado, transformando-a numa dança fluida que percorre cada célula do seu ser, sob a forma de estrelas de energia que potencializam a vitalidade de cada partícula que forma você. Observe, a esta altura, as sutis alterações em sua freqüência cardíaca e em seus estados de consciência.

Execute com a devida consciência a purificação das mucosas, percebendo como é possível sentir, de dentro para fora, o trabalho de limpeza que se processa em você.
Que tal? Sente-se bem? Pois isso é só o início.

Trabalhe agora seus corpos físico, mental e emocional através da técnica orgânica. Sinta os vórtices de energia que se interconectam por meio de linhas de força que existem em seu corpo, mentalizando que cada músculo, artéria e tendão são seus cúmplices nos objetivos que o seu corpo se propõe atingir. Após tomar consciência da satisfação proporcionada por cada conquista sua, supere-se, dando o seu melhor (não só no sádhana, mas também e principalmente na vida).

Maravilha! Agora, descontraia e deixe que o corpo assimile, até na intimidade das suas células, tudo aquilo que, depois de filtrado, pretende guardar consigo.

Por fim, aquiete a sua mente, estabilize a sua consciência, e sinta desabrochar a sua flor de lótus. Uma flor cujas pétalas expandem auto-suficiência, saúde, bem-estar, conforto e satisfação.
Abra os olhos, sorria para a vida e lance as suas pétalas em direção ao sol.

Boa Viagem!
 SwáSthya!

Cláudia Dutra – Sádhaka da Unidade Savassi – Belo Horizonte

Sem palavras...lindo!

segunda-feira, 7 de setembro de 2009

RedBull Air Race Porto 2009



Este fim de semana vai ser em cheio!
Na escola vamos ter um evento equestre, no Porto mais uma
vez vamos ter a corrida dos aviões :D o RedBull Air Race
e para terminar o dia, MOBY no parque da cidade.
Carlinha vens? hehe


Mahá Obrigada.....


Eu não sou de muitas palavras aqui no blogue, por isso aproveito esta mensagem da Sandra Semblano, que recebi da minha amiga, companheira de viagem e de brincadeiras...está linda. Obrigada Sandrinha por tudo e por nada... e obrigada a todos que partilharam estas emoções....aos que estão longe e perto, porque estão todos no meu coração!


Malas já desfeitas, recuperada do jet lag e assimilada a viagem quero agora deixar aqui a minha mensagem paulista.

Muitas histórias já foram contadas, centenas de fotografias partilhadas, mil mensagens foram trocadas, mesmo aqui no blog o querido Filipe já postou um artigo sobre a viagem, ainda assim e sem querer maçar, findo isto com uma necessidade imperativa de mostrar o que trouxe na minha bagagem... a minha vivência paulista!

Onze instrutores partiram de Portugal rumo ao festival, isso foi muito bom. Como éramos em número expressivo para formar um grupinho, conseguimos romper com a prenoção do português sério e sisudo e encantar nossa família brasileira. Amei ouvir por lá: "Esses portugueses são tão divertidos!" (leia-se com sotaque brasileiro). Foi muito engraçado, brincarmos com os costumes e trejeitos das nossas culturas.

Durante o festival aproximei-me do Mestre DeRose para dizer o quanto estava a adorar São Paulo. O Mestre perguntou-me: "Mas já conhece São Paulo?". Achei estranha a pergunta, pois numa semana de estadia nessa cidade, já tinha dado tempo para travar contacto com pessoas e lugares.

Depois percebi o que é conhecer essa cidade...

Tive o privilégio de privar com pessoas hiper-motivadas, inspiradas, felizes, figuras carismáticas do Método DeRose, conhecidas pelos seus talentos. Dessas pessoas, eu sempre pensei que lá teriam a sorte de ter nascido com alguma aptidão genética extra. Depois descobri que não. São pessoas que trabalham muito, num entusiasmo que contagia qualquer um, e que faz acontecer qualquer coisa. O maior talento é acreditarem que o que ainda não foi feito, não é impossível.

Falo agora, especificamente das escolas Anália Franco e Paes de Barros, com quem convivi mais de perto. Eu senti um grupo coeso que vibra numa energia de superação, que puxa e catapulta cada membro a evoluir. Como todo o mundo se apoia no grupo, ele é uma força energética que nunca pára e nunca se apaga. São pessoas que não somente fazem a filosofia, são pessoas que SENTEM a filosofia. Que estas modestas palavras sirvam para expressar o meu agradecimento profundo, por toda a amizade, dedicação, disponibilidade, ajuda e companheirismo que demonstraram ao receber os "tugas", nome com que carinhosamente nos apelidaram. A maior das dádivas foi o vosso exemplo. Sendo difícil dirigir um sincero obrigada a cada um (afortunadamente, vocês são muitos) aceitem o meu: MAHÁ OBRIGADA!!
E em resposta à pergunta colocada pelo Mestre: "Sim Mestre, conheci São Paulo!"
Como costuma ensinar, "viagens servem para rasgar antolhos". Foi exactamente isso que senti no final desta experiência, a visão mais ampla, o desmoronar de certos paradigmas.

Estamos agora aqui no Porto, contagiados pelo vosso entusiasmo, "realizando" como dizem os nossos irmãos brasileiros. Trazemos connosco Brasil e ficamos contentes de ter deixado convosco um gostinho português. Esperamos poder retribuir tudo isso, os "tuguinhas" cá vos esperam de braços abertos na Europa, sintam-se convidados!

Sandra Semblano